Advogado morre após sofrer acidente em rodovia

Polícia

Caso ocorreu por volta das 22h30 na Assis Chateaubriand (SP-425), em Braúna

Souza (destaque) conduzia uma Suzuki, quando um caminhão colidiu na traseira da motocicleta

Souza (destaque) conduzia uma Suzuki, quando um caminhão colidiu na traseira da motocicleta. Foto: Divulgação

Marcelo Luiz de Oliveira e Souza, de 24 anos, morreu após ter a moto que conduzia arrastada por um caminhão. O acidente ocorreu na noite de ontem (3), por volta das 22h30 na rodovia Assis Chateaubriand (SP-425), em Braúna.

A vítima era advogado e residia em Penápolis. De acordo com o boletim de ocorrência, Souza guiava uma GTA Suzuki GSXR1 de 1.000 cilindradas, com pacas de Cerqueira Cesar pela pista.

Ele, segundo apurado, trocou seu veículo pela motocicleta e teria ido até Presidente Prudente fazer o negócio. O condutor do caminhão Mercedes Benz, de 35 anos, morador em Campo do Brito (SE) disse que seguia pela rodovia.

A vítima estava logo à frente, no mesmo sentido de direção quando, por motivos a serem apurados, teria freado de repente. O motorista contou que, com isso, não teve tempo possível de evitar a colisão na traseira da moto, já que havia uma carreta trafegando no sentido contrário. Com o impacto, a Suzuki foi arrastada por cerca de 200 metros.

O veículo foi encontrado caído na pista contrária. Quando a Polícia Militar Rodoviária esteve no local, Souza já havia sido levado ao hospital de Clementina. Na unidade, ele recebeu os primeiros atendimentos médicos.


TRANSFERÊNCIA

Diante da gravidade dos ferimentos, foi transferido para a Santa Casa de Penápolis, onde passaria por um procedimento cirúrgico, entretanto, não resistiu e veio a óbito. Informações ainda dão conta de que ele estava aparentemente bem e conversando, após ter sido socorrido.

O corpo foi encaminhado ao IML (Instituto Médico Legal) de Araçatuba, onde passou por exame necroscópico. O velório acontece no Bom Pastor Memorial e o sepultamento será amanhã (5), às 16h.

Souza era filho dos também advogados previdenciaristas Suzy Aparecida de Oliveira (Suzy Keller) e Cláudio de Sousa Leite, que tinham escritório de advocacia particular e prestavam serviços para os associados da Associação Renascer da Terceira Idade.

O casal é muito conhecido por manter há anos um programa semanal de rádio, na Difusora FM (Previdência em Foco) todos os sábados das 8h às 9h. Souza era Sênior DeMolay integrante do Capítulo “Guardiões das Virtudes”, Ordem Paramaçônica.


REPERCUSSÃO

A trágica notícia trouxe luto e já causa grande comoção com as inúmeros manifestações nas redes sociais, pois tanto Souza, quanto seus pais, são bastante conhecidos, tendo uma legião de amigos.

Na sua página no Facebook, a mãe dele fez uma postagem.“Na gratidão por ter tido o Marcelo comigo. Orando por ele. Peço orações por ele, também. É tudo o que podemos fazer agora. Pedir a Deus que o receba e conforte. A nós, resta a dor e a gratidão. Ele sempre foi e é pura Luz”, escreveu.



COLÉGIO FRANCISCANO CORAÇÃO DE MARIA

Comentários

Atenção: Os comentários feitos pelos leitores não representam a opinião do jornal ou do autor do artigo.