AREIA BRANCA HORIZONTAL TOPO

Minha Casa, Minha Vida: Penápolis terá 96 moradias populares

Cidade

Casas populares são direcionadas à Faixa 1, para famílias com renda de até 2 salários mínimos (ou R$ 2.640,00 em valores atuais)

As moradias do projeto serão construídas verticalmente

As moradias do projeto serão construídas verticalmente. Foto: Reprodução/Internet

BIG MART INSTITUCIONAL Horizontal Meio da Notícia

Na última quarta-feira (22), o Governo Federal anunciou a Primeira Seleção de Propostas para o Novo Minha Casa, Minha Vida. Penápolis foi contemplada com a construção de 96 moradias populares direcionadas à Faixa 1, para famílias com renda de até 2 salários mínimos (ou R$ 2.640,00 em valores atuais).

Em setembro, o prefeito Caique Rossi apresentou o projeto para a construção das casas em reunião com o ministro das Cidades, Jader Barbalho Filho, em Brasília (DF). Na ocasião, o prefeito havia obtido uma avaliação positiva em relação ao projeto apresentado no Governo Federal.

“Nessa reunião, apresentamos o projeto penapolense e toda a documentação necessária. Tivemos um retorno bastante positivo e ficamos na expectativa de que o projeto fosse aprovado e que nossa cidade fosse atendida. Agora, tivemos a notícia de que teremos a construção de 96 moradias em nossa cidade”, destacou Caique.

Segundo o prefeito, as moradias serão construídas verticalmente, ou seja, serão prédios. “O novo empreendimento será construído em um terreno na extensão da avenida Marginal Maria Chica, em um investimento de aproximadamente R$ 15 milhões”, contou.

A Portaria 1.482 do Ministério das Cidades foi publicada no Diário Oficial da União com as propostas dos empreendimentos aprovados em todo o país. Em Penápolis, o empreendimento habitacional terá o nome de Residencial Mundo Novo IV.

O prefeito acrescentou que ainda são necessários alguns trâmites burocráticos. “Vamos assinar o convênio com as regras do processo de construção das casas. Em seguida, A Caixa Econômica Federal fiscaliza o local da construção para, posteriormente, liberar os recursos para a construtora responsável pela obra”, informou Caique.

De acordo com Caique Rossi, ainda não há definições sobre inscrições para o sorteio das moradias. “Quando tivermos todos os detalhes e informações, divulgaremos para toda a população. Todo o processo será feito de forma transparente, seguindo os critérios técnicos do programa Minha Casa Minha Vida, para atender às famílias que mais precisam em nossa cidade”, finalizou. (*) Com informações da Prefeitura



FERREIRA ENGENHARIA Horizontal topo

Comentários

Atenção: Os comentários feitos pelos leitores não representam a opinião do jornal ou do autor do artigo.